Transformando o Padrão de Experiência no Brasil

Como são as experiências de atendimento que você passou e se recorda? São boas, ou você nem gosta de lembrar?


Quando precisa ligar em uma central de atendimento, você já coça a cabeça e torce o nariz?


Pode ficar tranquilo, que essa é a realidade de muitos brasileiros.

Sabemos que algo está errado e precisa mudar, e o que precisa ser mudado é esse padrão de atendimento que coloca rio abaixo a experiência do cliente.


Algumas atitudes simples e básicas, como chamar o cliente pelo nome, fazer uma ligação perguntando se o produto ou serviço chegou corretamente, ou se o problema foi resolvido, são consideradas um diferencial, afinal a alta demanda, nos permite usar a desculpa que “não dá tempo”, “são muitas pessoas para atender”


Sabemos o quanto a profissão é desvalorizada, e por isso precisamos conscientizar você empreendedor, do seu papel como transformador desse jogo. É você quem ajudará a quebrar esse padrão e subir o nível da experiência oferecida para o cliente.

Tudo parte do principio de que o seu cliente tem que ser o centro do seu negócio, é para ele a experiência, e ele quem vai dar o caminho pra você, e não o contrário. Todos da empresa precisam ter essa consciência de que o cliente é o foco das operações.


A mentalidade do empreendedor precisa mudar, há uma preocupação com o lucro, mas ele não é o único foco da empresa. Pensar apenas no lucro bloqueia a visão de futuro, de propósito para a empresa, e seu cliente fica em segundo plano, assim como os colaboradores. Empreender não é fácil, mas é preciso ter resistência e resiliência pensando no legado que você está deixando para o mundo.